6 erros comuns na hora de comprar um imóvel.


Investir na casa própria é a prioridade e um sonho para muitos brasileiros que desejam sair do aluguel, mas, para que esse momento de realização não se torne um processo doloroso e traumático, separamos algumas dicas especialmente para você que está pensando em dar esse passo na sua vida.

1- Atenção ao Contrato

Leia, estude cada linha, se for necessário leve-o com você para algum ambiente sem interferências externas que possam causar distração e com calma e tranquilidade analise cada detalhe. Se for preciso peça ajuda a um profissional qualificado para te orientar e facilitar o entendimento de cláusulas ou termos que estejam ali escritos e que de certa forma necessitem ser avaliados com mais critério. Jamais assine algum documento sem ter absoluta certeza do que está sendo proposto. Certamente, com esse cuidado, a negociação será justa para ambas as partes e, portanto, todos saem ganhando!

2- Verificando a documentação

Para ajudar nesse processo, o ideal, é montar uma lista com todos os documentos e certidões necessárias para que ao final, não reste nada pendente. Verificar a situação jurídica do imóvel e do vendedor, pesquisar em todos os órgãos pertinentes se há algum óbice para o negócio, resguarda ambas as partes de qualquer problema futuro. Examine com extremo cuidado todo o histórico do imóvel.

3- Visitas ao imóvel

Durante a visitação. é possível conhecer a realidade do imóvel, tanto na questão da localização, tendo em vista a necessidade do comprador em relação a comércios e serviços próximos, quanto ao ambiente interno do  imóvel. Observar alguns detalhes técnicos,  como, pintura, acabamentos, infiltrações, pisos e janelas também tem sua importância. Além disso, o futuro comprador deve fazer visitas em momentos diferentes do dia, assim poderá analisar exposição do sol ou a noite a quantidade de ruídos, fatores que influenciam diretamente na qualidade de vida.

4- Planejamento e Custo

Planejamento financeiro é um dos fatores determinantes para o negócio dar certo. Fazer um levantamento do que pode ser disponibilizado para a compra, o que pode ser comprometido no orçamento mensal e de que forma essa tramitação será feita, como por exemplo, se será compra à vista, financiada, por consórcio, entre outras, são decisões importantes e de profunda valia no processo. Lembrando sempre, que existem custos adicionais com a legalização e transferência de propriedade, que também precisam ser incluídas nesse plano. O melhor é ter uma reserva extra para evitar possíveis surpresas.

5- Fechar o negócio pela emoção

Sempre que possível, esteja acompanhado por parentes, amigos, pessoas próximas ou até mesmo profissionais do ramo imobiliário. Em alguns casos, pode ser útil para evitar um fechamento de contrato por impulso ou pela emoção. Lembre-se sempre que esse é um investimento que envolve grande quantia de dinheiro e demanda muito tempo e atenção, para que mais tarde não haja arrependimento do negócio feito.

6- Negar auxílio de um profissional

Outro erro comum é dispensar o auxílio do profissional da área. Procure uma imobiliária de sua confiança e com boas referências, para que sua busca seja direta e assertiva. A experiência profissional fará que o processo se torne mais leve, rápido e seguro. 

Temos certeza que, seguindo o nosso passo a passo, esse processo se tornará menos complicado e sua compra ou venda de imóvel será um sucesso, sem nenhum erro ou transtorno.

O que achou dessa postagem? Continue acompanhando o Blog da Special Imóveis para receber mais dicas.

Conte com a gente para fazer bons negócios!

Special Imóveis - O Imóvel ideal para você está aqui!

Tire suas dúvidas