5 fatores que influenciam na valorização de um imóvel


Certamente você já pesquisou um imóvel para vender ou alugar e se assustou com o preço. Mas uma coisa você pode ter certeza, existem diversas questões ligadas à valorização que podem determinar a precificação final de um apartamento ou casa.

Não é tão difícil de entender, por isso fizemos essa postagem para definir alguns pontos. Confira!

1- Região do Imóvel

Esse talvez seja o fator mais determinante no preço de um imóvel, dependendo da localização o valor pode sofrer uma queda brusca, mas também pode valorizar bastante. O metro quadrado costuma ter um valor mais elevado quando o imóvel é situado em área nobre, quando possui uma vista ampla e indevassada, a região apresenta uma área mais plana, sem altos e baixos (ladeiras), a estrutura básica, como: água, esgoto, e até serviços de telefonia e internet, possuem uma boa qualidade no atendimento e quando a infraestrutura do bairro tem um grande potencial de desenvolvimento e investimento.

2 - Acessibilidade e Infraestrutura

A facilidade e a comodidade de viver em uma região com uma boa infraestrutura pode fazer uma diferença grande na sua rotina. Morar próximo a vias de acesso, com opções de transporte púbico variado, é sinônimo de qualidade de vida. Já a acessibilidade a uma boa estrutura de bairro, onde há centros comerciais, bancos, hospitais, escolas, restaurantes, padarias, farmácias, academias, pode interferir sim na precificação do imóvel. Esse é o tipo de infraestrutura mais procurada e desejada por muitas famílias.

3 - Segurança

Uma das maiores preocupações da população é em relação à violência e a taxa de criminalidade. Por isso se o índice de assaltos e roubos na região desejada for baixa, a valorização do imóvel aumenta. Em contrapartida se no bairro existir a possibilidade de ter construções irregulares ou for próximo de algo que pode comprometer a segurança a desvalorização tende ser grande. Porém, se medidas de segurança forem oferecidas, pode ser um diferencial como por exemplo: portaria 24, com funcionários bem treinados, guarda privado (contratada pelos moradores vizinhos ao imóvel), sistema de câmeras de monitoramento, de fato é um ponto a favor. Fique atento!

4 - Documentação

É importante se certificar que o imóvel esteja com sua documentação em dia, livre de processos, pendências com inventários, taxa ou imposto atrasado ou qualquer outro problema burocrático. Pode parecer óbvio, mas é sempre bom lembrar que qualquer falta de atenção com essa área, trará muita dor de cabeça mais pra frente!

5 - Estrutura Interna e Externa

A conservação atual do imóvel representa uma grande influencia no valor final de mercado. Quanto menos problemas estruturais o local tiver, mais valorizado ele fica. Instalações elétricas e hidráulicas revisadas, bem como os acabamentos estéticos, tipo pintura, piso, armários embutidos, entre outros, podem tornar a residência melhor avaliada, pois assim o futuro inquilino ou proprietário ganha tempo e economiza com uma possível obra. Já imóveis com aspecto e estrutura antigas, costumam ter um preço reduzido, uma vez que reparos e manutenções provavelmente terão que serem feitos.


Existem outros fatores que contribuem e impactam na valorização de um imóvel, mas esses são 5 pontos básicos para se levar em conta e entender uma avaliação patrimonial. Caso tenha mais dúvidas em relação a esse assunto, entre em contato conosco e fique alerta as nossas publicações para ficar sem atualizado sobre diversos assuntos.


Aqui na Special Imóveis trabalhamos com os melhores bairros da zona leste, onde você pode encontrar todos os itens mencionado acima e ter um grande ganho no seu investimento imobiliário.

Conte com a ajuda dos nossos corretores para ajudar você a fazer o melhor negócio!

Somos referência nos bairros: Anália Franco, Tatuapé, Vila Formosa, Carrão, Moóca e região.

Então não perca tempo! Acesse as nossas oportunidades: www.specialimoveis.com.br



Tire suas dúvidas